Filie-se

Pezão receberá servidores nesta quinta-feira para tratar de salários atrasados

admin Comente 16.11.17 585 Vizualizações Imprimir Enviar

Líderes de sindicatos que representam os servidores estaduais terão uma reunião com o governador Luiz Fernando Pezão nesta quinta-feira. O encontro, que acontece às 11h, no Palácio Guanabara, terá como pauta o pagamento dos atrasados, do 13º salário de 2016 e desse ano, além da convocação de concursados. Os sindicatos convocaram os servidores para uma manifestação, com o intuito de pressionar o governo a dar uma resposta contundente quanto aos assuntos.

Na reunião, a Associação dos Docentes da Uerj levará uma pauta em especial. Os servidores da universidade reivindicarão ao governador a isonomia no pagamento dos salários. A categoria quer que o Estado volte a pagar todas as categorias na mesma data. Hoje, quando há caixa, o governo do Estado prioriza o pagamento dos servidores da Segurança e da Educação, o que não inclui a Uerj.

Servidores do Estado na Educação e na Segurança receberão nesta quinta-feira

A Secretaria estadual de Fazenda anunciou, na noite de quarta (14/11), que pagará integralmente, hoje 16/11 , os salários de outubro dos ativos da Educação e do Degase, e os vencimentos dos servidores em atividade, dos inativos e dos pensionistas da Segurança Pública — policiais militares e civis, bombeiros, agentes penitenciários e trabalhadores das secretarias de Segurança e Administração Penitenciária, assim como de órgãos vinculados. Serão depositados R$ 922 milhões para 237.869 funcionários.

Vale destacar que os pagamentos serão feitos ao longo do dia, ou seja,o dinheiro poderá aparecer nas contas do funcionalismo mesmo após o término do expediente bancário.

No caso da Educação e do Degase, 78.685 ativos terão seus vencimentos creditados nesta quinta-feira. O depósito para os vinculados à área de Segurança vai favorecer 159.184 pessoas.

 A pasta informou, porém, que 212.706 ativos, aposentados e pensionistas de outras categorias ainda ficarão com os salários de outubro pendentes, em um total de R$ 622 milhões. Já o pagamento de setembro ainda é devido a um universo de 201.174 servidores, inativos e pensionistas, totalizando R$ 563 milhões.

Ainda de acordo com a Secretaria estadual de Fazenda, de acordo com o resultado da arrecadação estadual, a pasta vai anunciará quando será feito um novo depósito para a quitação dos valores pendentes dos meses de setembro e outubro.

Fonte: Jornal Extra Online

admin

  • gvargues@gmail.com

© 2019 COLPOL.