Filie-se

COLPOL-RJ e SINDPOL-RJ tentam visitar policiais civis acautelados e são impedidos pela SEAP

admin Comente 04.09.18 130 Vizualizações Imprimir Enviar

A COLPOL-RJ e o SINDPOL-RJ foram acionados pelos familiares dos policiais civis acautelados na Cadeia Pública Constantino Kocotós, no Fonseca, em virtude da transferência atabalhoada e sem transparência ocorrida na data de ontem (02/09) para o Instituto Penal Coronel PM Francisco Spargoli, unidade que atendia os presos do Comando Vermelho.

Os representantes das legítimas entidades de classe da PCERJ provocaram à Comissão de Segurança Pública da ALERJ, que marcou uma vistoria na data de hoje, porém, as entidades foram inexplicavelmente impedidas de entrar pela administração da SEAP.

Lamentamos a forma desrespeitosa com que os representantes constitucionais e substitutos processuais da categoria foram tratados, sem cortesia, sem transparência e de forma não republicana.

Vamos sugerir à Comissão de Segurança Pública da ALERJ que convoque uma audiência pública para discutir essa indignidade praticada contra policiais que se encontram presos provisoriamente e gozam de direito a prisão especial, o que não está sendo observado.

Nosso Departamento Jurídico também foi acionado para as providências cabíveis, de natureza individual e coletiva.

admin

  • gvargues@gmail.com

© 2018 COLPOL.