(Luiz Carlos, à esquerda, e Marcio Garcia, à direita)

Nesta segunda-feira, 24/04, o diretor de Interesse de Classe da COLPOL-RJ e também presidente do SINDPOL-RJ, Marcio Garcia, esteve na inauguração do Espaço de Atenção à Saúde do Sindicato dos Servidores do Departamento de Polícia Federal no Estado do Rio de Janeiro (SSDPFRJ).

Segundo Luiz Carlos Cavalcante, presidente do SSDPFRJ, o local de atendimento vai funcionar onde era a antiga sede deles, na Rua Acre, no Centro da cidade: “Nossa gestão, desde que assumiu, vem se empenhando em atender as demandas da categoria. Ter esse espaço de saúde, ter esse acompanhamento médico e principalmente psicológico era uma forte demanda. O governo deveria nos dar esse suporte. Mas como não dá, cabe ao sindicato ouvir as necessidades de seus sindicalizados e ajudar no que for possível. Por isso, estamos todos muito felizes com essa conquista”, afirmou Luiz.

No local, a partir desta data, já há atendimento psicológico. Duas outras salas ainda estão finalizando obra: uma para futuro atendimento odontológico e uma outra, para atendimento médico.

Marcio Garcia, presidente do SINDPOL-RJ e diretor de Interesse de Classe da COLPOL-RJ, fez questão de prestigiar o evento dos colegas policiais federais: “Somos todos policiais de investigação, sejam civis ou federais, e sofremos os mesmos danos à saúde mental. É uma profissão de risco e de extremo estresse. Estou aqui para prestigiar os nossos colegas federais que estão inaugurando esse espaço bem na linha do atendimento psicológico que já é prestado na COLPOL, fato que aliás muito nos orgulha. Além disso, estudaremos estender esse atendimento aos nossos sindicalizados através de convênio com o SSDPF-RJ”, disse Marcio.

O presidente da COLPOL-RJ, Fábio Neira, teve outro compromisso importante e não pôde comparecer à inauguração, mas também felicitou o colega pela inauguração do espaço de saúde: “O Luiz está de parabéns por ter ouvido as demandas de seus sindicalizados, arregaçado as mãos e tornado realidade esse desejo da categoria deles. Na COLPOL-RJ, já fazemos há muitos anos esse atendimento assistencial aos nossos coligados e seus dependentes e sabemos o quanto é importante ofertar esses serviços ao nosso pessoal. Não pude estar presente na hora mas faço questão de parabenizar publicamente os co-irmãos por esse honroso passo dado”.